9/26/2012

Este nosso cenário


Você me diz coisas que eu achei que nunca ouviria, a não ser nas minhas fantasias. Nos sonhos criados acordada e naqueles que me surpreendiam dormindo, acordando a com aquela sensação real como se realmente tivesse viajado durante a noite. E mesmo assim fugindo disso tentei correr sem me importar com um futuro que poderia vir daqui a uns 10 anos ou quem sabe nem nesta vida. Comecei a acreditar que quando se menos espera, acontece. Aprendi a ser mais maleável e menos dura, mas era tocar no que estava arquivado para eu tocar o sinal vermelho de emergência “saia por aqui”.
Mas tem sempre alguém que te intriga, aparecendo cedo ou tarde. E ver as coisas acontecerem com você, não na tv e nem com os outros, é estranho, quando já não existiam expectativas. Apesar de que a esperança nunca morre, mas ela dorme. Bela adormecida.
E você me diz coisas que eu achei que nunca ouviria, a não ser nas minhas fantasias. Ou nos sonhos sonhados dormindo ou acordada. Faz melhor. Faz-me perceber que esse cenário real é bem melhor.



"Se souber nadar, faça-me o favor"



Nenhum comentário: